CONECTANDO A ADVOCACIA CRIMINAL

quem Somos

O Mindjus é o primeiro movimento de Advocacia Colaborativa do Brasil. O projeto foi Idealizado para combater a criminalização da advocacia e a desunião da classe profissional. 

MISSÃO: 

Nosso objetivo é fortalecer os advogados que militam na advocacia criminal através do compartilhamento mútuo do conhecimento e da construção de alianças profissionais. Nosso compromisso é baseado nos seguintes pilares:

Aprimoramento intelectual: criamos oportunidades presenciais e virtuais de estudo e troca de experiências.

Network: Além dos encontros AO VIVO, do grupo fechado no Telegram e do catálogo com as informações de todos os membros, ainda promovemos oportunidades presenciais de interação.

CONECTE-SE

COM GRANDES ADVOGADOS CRIMINALISTAS E TRANSFORME SUA ADVOCACIA

COMO FUNCIONA

Somos uma experiência completa de advocacia colaborativa, que combina reuniões ao vivo com reprise, encontros presenciais e uma comunidade incrível no Telegram. São centenas de pessoas que compartilham o mesmo objetivo: mudar a advocacia criminal através da união e da troca de experiências.

Faça parte do Grupo Exclusivo

Tenha acesso às reuniões anteriores

Compartilhe experiências e faça parcerias

Acesso imediato à todo conteúdo

Encontros semanais pelo Zoom

Tenha acesso às teses criminais

040 - Law Created with Sketch.

Entenda a principais pautas do direito criminal

Faça parte do catálogo de network criminal

Faça parte do melhor grupo de Advocacia Criminal do Brasil. Compartilhe conhecimento, aprenda novas habilidades e encontre parceiros que te ajudarão na caminhada profissional.

R$ 497,00/ANO
ou em 12 x de R$ 48,42 no cartão

Depoimentos

Está disposto(a) a investir na sua vida profissional?

Deseja participar de reuniões semanais, fazer network com grandes juristas, ampliar a atuação profissional e praticar a advocacia colaborativa?

Preencha o formulário. Entraremos em contato.

LINKS ÚTEIS

MANDATO.png

CONSULTE ANTECEDENTES CRIMINAIS

Consultar
CONSULTAR-MANDATO.png

CONSULTE MANDADO DE PRISÃO

Consultar